2020 – Um ano atípico – de dores e conquistas

2020 iniciou um ano cheio de novidades!

Primeiro fiquei sabendo que tinha sido aprovada em 1ºlugar no Concurso Público para professora Adjunta da Universidade de Brasília, mas não sabia quando seria chamada pois o atual Presidente da República tinha baixado um decreto que nenhuma Universidade poderia contratar nenhum professor durante 2020.

Então continuei eu, ministrando as aulas na UDESC e na UFSC, o que para mim foi sempre maravilhoso. Março chegou e preparei as 8 disciplinas que estava ministrando. Porém final de fevereiro surgiu a pandemia da COVID-19 no Brasil. No inicio de março o decreto caiu e a UnB fez a chamada para a minha posse, foi marcada para dia 01 de abril. Porém em 14 de março, o governador de SC e prefeito de Florianópolis, fecharam a cidade e até o Estado. Sim, tudo, tudo!! E eu tomei posse e entrei em exercício em meio a pandemia!! QUE LOUCURA! Mas tudo dei certo. Hoje estou Professora Adjunta do Departamento de Artes Cênicas da Universidade de Brasília! Meus colegas são maravilhosos e fui recebida com muito afeto! Gratidão! Muitas reuniões pedagógicas e de colegiado antes de iniciarmos as aulas da UnB. Reiniciamos no dia 17 de agosto de 2020. O 1º semestre foi até dezembro de 2020.

Ao mesmo tempo em que tentamos amenizar o trabalho com as aulas acontecendo de forma remota, é uma tristeza o que está acontecendo com nosso País! Com todos os acontecimentos da crise de saúde e crise política brasileira. Na maioria das situações causa ASCO e muita RAIVA! Tudo o que  poderia estar evoluindo, está tendo desmanches e mais desmanches. As políticas públicas até então existentes, já não existem mais! Onde vamos parar?

Um ano atípico com isolamento e todos usando máscaras! É estranho sair a rua e não ver o sorriso das pessoas, sentir-se num outro espaço. É estranho e triste ver tantas pessoas pensarem somente em si e não respeitarem o espaço do outro, saindo sem máscaras e fazendo festas num momento que deveriam estar cuidando dos seus e serem humanizados.

Agradeço imensamente pelas conquistas e oro para que logo tenhamos a vacina e que todos possamos mais uma vez nos abraçarmos sem medos. 

 

2018!! ano de findar um macrociclo!

2018 SEJA BEM VINDO!!

Cheio de vida, com novos planos e término de um macrociclo almejado lá pelas idas de 2009! Sim, 10 anos de metas! Tudo planejado em conjunto com meu lindo amor, Guilherme. Está certo que levei 4 aninhos a mais, pois iniciei a graduação em Artes Cênicas em 2004, porém em 28 de fevereiro de 2018 encerra-se a etapa mais longa dos objetivos acadêmicos: serei DOUTORA EM TEATRO, com a minha pesquisa em teatro de sombras, linguagem que amo trabalhar e que deu vida há outras duas metas: a entreAberta Cia Teatral, com a amiga Tuany Fagundes e o SKIA, Espaço da Sombra, com a amiga Susan Mariot.

OBRIGADA, OBRIGADA, OBRIGADA! Sim, agradeço sempre três vezes, é meu mantra de vida, agradecer sempre!!

2017 foi um ano com surpresas e que fazem parte também deste grande macrociclo: dar aulas na Universidade no curso de Teatro. Agora em fevereiro fará 1 ano que sou professora colaboradora, ministrando as disciplinas de teatro de animação (teatro de máscaras, bonecos e sombras) e ainda interpretações e a disciplina de ética, legislação e produção teatral (produção é uma profissão que amo tanto quanto atuar e que agora poderei repassar e trocar experiências vividas para os alunxs e novxs atores e atrizes). A próxima meta é ser professora adjunta, preferencialmente aqui no sul do Brasil, porém isso não depende somente de mim, mas principalmente de abrir concurso público na área. Na torcida por aqui e com a proteção dos meus guardiões para que isso aconteça. A minha parte estou fazendo: estudar!

Vamos que vamos!

Venha 2018 com toda leveza e maravilhosidade que a vida pode nos dar! Isso só depende de cada um de nós! Sejamos felizes, tenhamos amor e respeito para com o outro!